sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Respeito a profissão e entre profissionais

Hoje gostaria de falar de respeito. Respeito da sociedade com a profissão de necropsia, respeito dos políticos com seriedade em relação a nossa profissão e respeito dos próprios profissionais da área. As pessoas tem curiosidade mórbida sobre a sala de necropsia e nossa profissão não pode ser vista como circo de horrores.

A necropsia é um exame interno feito no cadáver a fim de constatar a causa mortis feita, pelo menos, seis horas após o óbito, exceto nos casos de morte violenta, quando será suficiente um simples exame externo do cadáver, não havendo infração penal a ser apurada, ou mesmo havendo infração penal a ser apurada, se as lesões externas permitirem precisar a causa da morte e não houver necessidade de exame interno para verificação de alguma circunstância relevante (art. 162 CPP).

É bom lembrar que todos...TODOS! nós poderemos um dia precisar de um serviço de necropsia e nessa hora nínguem quer ser desrrespeitado ou ter um ente querido como fonte de curiosidade de outros. É preciso que a sociedade olhe para a área de necropsia como um trabalho de vital importância na sociedade e como parte da justiça e do desenvolvimento médico e do aprendizado da saúde. è preciso que os políticos e dirigentes olhem pra essa área com respeito. è muito importante investir num IML e de preferencia unir a um SVO, pois evita-se de deslocar o corpo para locais diferentes. Exemplo: Se um cidadão morre em casa e vai pro SVO, la percebem um trauma discreto de crâneo. Neste caso o corpo terá que ser deslocado ao IML para morte violenta. Isto causa transtornos aos familiares e desloca funcionários de uma área pra outra dificultando o serviço.
Respeito entre profissionais. È preciso respeito entre o médico e o auxiliar/tecnico de necropsia. Na sala de necropsia um depende do outro e precisa haver comunicação. O médico é a autoridade responsável pela necropsia e pelo laudo de causa morte. O necropsista é responsável por manusear o corpo e fazer as analises de causa de morte e sempre comunicando-se com o médico. É um trabalho em conjunto. O médico não realiza a necropsia sem o auxiliar/técnico, que é um necropsista assistente. Assim como o necropsista não pode mexer no corpo sem o aval do médico. O respeito entre esses dois profissionais é que leva a um trabalho de qualidade perfeita.
O profissional de necropsia é um trabalhador fundamental na assistencia ao medico legista(IML) ou patologista(SVO).
As dificuldades da profissão são varias. A necropsia não é reconhecida realmente como uma profissão em si, não tem sindicato da area ou entidade representante, não existem leis especificas para o ajuste da area; Mas ainda assim é uma area que se torna evidente e fundamental quando surgem as catastrofes, acidentes e crimes, alem de auxiliar no desenvolvimento cientifico na area de saúde. Sem os profissionais de necropsia os IMLs parariam de funcionar e os crimes não seriam resolvidos.

Como se entra nesse mercado de trabalho?
O curso de necropsia existe para formar necropsistas; Assimilar esses profissionais interessados em entrar na area é uma outra questão. Isto envolve politica de saúde, necessidade do serviço na região e tudo que pode gerar essas vagas é questão de tempo. É preciso paciência para esperar surgir a oportunidade certa. Quem quer entrar na area não pode ficar parado, deves e especializar, fazer cursos da area, se preparar para concursos e vagas de contratação.
Existem 2 formas de entrar na area de necropsia:
-Concurso publico para SVO ou IML
-Contratação em Hospitais particulares
O campo de trabalho do necropsista não se limita apenas a necropsia.
Existem outras áreas onde o necropsista pode se colocar devido ao seu bom conhecimento em anatomia, manuseio e trato com o cadaver. Em funerarias um formando em necropsia pode se especializar em funções de cunho de agente funerariom sem receios. Existem cursos de especialização que podem dar um arranque no necropsista dentro de outras areas.
EX: Necropsia, Tanatopraxia, necromaquiagem, reconstituidor facial, embalsamador e etc.

5 comentários:

  1. Olá, gostaria de saber mais sobre a area, desde criança necropsia é o meu sonho.
    Tenho algumas duvidas: Preciso me formar em Medicina? Posso fazer Biomedicina por exemplo que com esse curso eu ja posso entrar na area?
    Qual escola voce me recomenda pra fazer esse curso?
    Ja vi esse curso na Escola Coração de Jesus e na ANANEC, mas não conheço nenhuma dessas instituições, voce conhece?

    Meu e-mail é alana.liz@hotmail.com se puder me responder

    Obrigada, adorei seu blog, Alana

    ResponderExcluir
  2. Adorei o blog, com certeza estarei sempre aqui! Sou apaixonada pela necropsia e atividades afins. Tenho 17 anos e estou há anos atrás de um curso, e quando acho não consigo fazer, mas tudo bem... vou esperar. Parabéns! Lorena

    ResponderExcluir
  3. FAÇO NO CIEP ESTOU ADORANDO 37431900
    DA PARA COMPLICAR UM POUCO MAIS ENVIAR UMA FOFOFCAW

    ResponderExcluir
  4. FAÇO NO CIEP ESTOU ADORANDO 37431900

    ResponderExcluir
  5. eu sou a cafuncia nada me faltará,

    ResponderExcluir

Escolhe um trabalho de que gostes, e não terás que trabalhar nem um dia na tua vida.
-Confúcio